quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Heloísa Helena Desligou-se.

É incrível como a gente sempre se apaixona pelas pessoas erradas - e é claro, nunca por falta de aviso. Porque até o teu cachorrinho de avisou... E você não quis ouvir, óbvio, você estava cega, caindo de encantos...-. É incrível como a felicidade até existe, mas ela tá de férias, e não passa por sua porta. E quando passa, é que nem consulta de clínico de emergência: é super rápida, porque tem mil pessoas na fila, ok?
Mas se eu passar falando das coisas inacreditáveis e brochantes da vida, eu perderia uma cara e ainda assim estaria longe de conseguir.
Mas mesmo dizendo que estas coisas são inacreditáveis e tentando tratá-las como desprezíveis - eu simplesmente não consigo. Ou seja, favor desconsiderar o parágrafo acima.
Merda, será que é tão difícil ignorar aquele idiota que só fala com você pra te tirar do sério, pra te encher o saco, pra você se sentir vazia e ao mesmo tempo tão bem ? Por que ele simplesmente não some da sua vida? Porque ele apenas continua do teu lado? Por que ele apenas insiste em não assumir que sem você não consegue viver?
Quando procuramos conversa, estamos interessadas. Quando somos genuinamente antissociais, somos mal educadas. Quando estamos nas nuvens, fazem questão de nos ensinar o que é a gravidade - e diferente de Deus, não tira-nos o chão para que aprendamos a voar {eles apenas podam as nossas asas}!
E ainda dizem que eu ando muito estressada...

Ora pois!
Se procuras por um pedaço de cavalo, um pedaço de cavalo terás.

(Err... Vovó sempre me diz que quem procura acha. :D )

2 comentários:

CICINHO GUITAR disse...

euri' kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Rafael disse...

vc tá atrás de que pedaço do cavalo vaca???

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

:B