sexta-feira, 1 de maio de 2009

I have a dream.

Vou começar falando desse vídeo que muitos de vocês já podem até ter assistido... É sobre Susan Boyle, uma quarentona com um "charme" de criança, que acabou provando que por trás de uma velha e acabada capa, podemos encontrar os potes de ouro no final do arco-íris.
Todos ficaram impressionados como aquela mulher, que aparentava ser uma coisa, mostrou-nos que a sua capacidade ia além do que denominamos aparência.

video

E mais que reafirmar que o caráter de uma pessoa está acima de qualquer coisa que ela aparente ser, com Susan eu pude ver que não importa o tamanho, ou quão difícil possam parecer os nossos sonhos, se desejarmos de verdade, e lutarmos por eles, eles uma hora ou outra, vão acabar se concretizando. Aprendi que nada é inalcançável, mesmo porque se tudo é relativo, porque o tempo também não seria?
Sinto que é como Almir Sater e Renato Texeira falaram em uma de suas músicas mais tocantes - Tocando em Frente (Que pessoalmente marcou a minha vida. Lembro até hoje a escutando e chorando ao lado de meu pai. As recordações musicais com meu pai sempre me fazem chorar...) - "Cada ser carrega em si o dom de ser capaz, e ser feliz".
E levando em conta que Susan seguiu, não desistiu, buscou dar o melhor de si, e conseguiu. Eu não desistirei jamais dos meus desejos, 'cause I have a dream'.

Um comentário:

Lícia Helena disse...

não, você não fez merda (y' . tá virando clichê, mas... bom texto, Qrol. ;D